Como ficarão os empréstimos financeiros do setor elétrico brasileiro?

O setor elétrico brasileiro está implementando medidas para evitar mais tarifas nas contas de energia elétrica da população brasileira e manter a máquina em funcionamento. Com a pandemia, causada pelo Coronavírus, já foi aprovado um socorro para garantir energia a todos os brasileiros. Foi aprovado um empréstimo que será quitado em 5 anos. Os recursos foram remanejados de vários projetos e ações do setor elétrico em parceria com instituições financeiras. Agora, a escassez hídrica impõe a necessidade de um novo empréstimo, e o governo federal publicou a medida provisória nº 1.078, de 13 de dezembro de 2021, que dispõe a respeito das medidas destinadas ao enfrentamento dos impactos financeiros no setor provenientes das chuvas insuficientes para abastecer os rios, que fornecem água para o setor elétrico.

Uma boa notícia divulgada pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) é que as chuvas devem ser mais abrangentes no subsistema Sudeste e Centro-Oeste durante o mês de janeiro, o que fará com que o nível de armazenamento aumente. As chuvas no subsistema devem ser equivalentes a 105% da média histórica para o mês de janeiro. Com isso, o mês deve findar com os reservatórios abastecidos com 40% da capacidade.

No Norte o índice é de 205% da média histórica e no Nordeste 159%. O Sul não terá um salto tão alto quanto as regiões citadas, pois a projeção é de 29% sendo que o esperado era 40%.

Embora tenha ocorrido escassez e as chuvas estejam abastecendo os reservatórios, os empréstimos, além da geração de energia por meio de termelétricas, estão gerando aumento nas contas, que ficaram 27% mais altas em 2021 para os consumidores cativos. Ainda que nos primeiros dias de janeiro, as chuvas tenham ultrapassado o esperado para a época em algumas regiões, ainda não haverá redução das tarifas de energia elétrica, visto que as térmicas estão sendo acionadas. Porém, as chuvas podem diminuir o montante a ser adquirido nesse segundo empréstimo. De forma geral, o aumento da energia impacta no preço de bens e serviços para os consumidores, já que o custo da produção também aumenta se a energia elétrica alcançar valores altos.

A Medida Provisória assinada pelo governo também prevê a cobrança de bandeira tarifária extraordinária para cobrir os custos excepcionais que forem originados pela situação de escassez.

Essa é uma das vantagens de quem migra para o mercado livre de energia, pois, as bandeiras tarifárias são aplicáveis apenas aos consumidores cativos. Os consumidores livres participam do rateio dos custos excepcionais, com o recolhimento dos valores realizados diretamente à CCEE.

Quer receber mais conteúdos sobre o Setor Elétrico Brasileiro? Deixe o seu contato abaixo.

Veja também

Setor Energético

20.05.22

Chuvas de março melhoram afluência da região Sul

Na Mídia

17.05.22

Barra Bonita é destaque em jornal Gazeta do Povo do PR

Geral

04.05.22

Tradener investe em energia limpa e renovável para um mundo em transformação

Setor Energético

28.04.22

Brasil alcançou a 6ª posição em ranking de energia eólica

Geral

27.04.22

Mês da criatividade e inovação com protagonismo da Tradener

07.04.22

Cidade de Pindaí onde empresa do grupo tem parque eólico celebra 60º aniversário

Setor Energético

23.03.22

Como a meteorologia impacta os preços da energia elétrica no Brasil?

Press Release

22.03.22

Tradener propõe Plano Nacional de 100 PCHs com geração de até 1 milhão de empregos

Press Release

22.03.22

Tradener fecha contrato inédito com a YPFB para trazer gás natural boliviano ao Brasil.

Press Release

22.03.22

Tradener cresceu quase 60% suas vendas de energia em MWh em 2021

Press Release

22.03.22

Tradener aumentou em 103% sua compra de energia no longo prazo.

Setor Energético

22.03.22

A importância da água na geração de energia elétrica.

Setor Energético

15.03.22

O que esperar da micro e mini geração distribuída x incentivos e crescimentos projetados?

Gás

07.03.22

Tradener fecha contrato inédito com a YPFB para trazer gás natural boliviano ao Brasil.

Setor Energético

22.02.22

PDE 2031: qual é a tendência da Matriz Energética Nacional para a próxima década?

Geral

17.02.22

Sua empresa está preparada para descarbonizar?

Setor Energético

10.02.22

Como está o processo de geração de energia eólica em mar brasileiro?

Setor Energético

09.02.22

A influência das chuvas na geração de energia eólica

Setor Energético

02.02.22

Energia Renovável no Brasil, o que esperar para os próximos anos?

25.01.22

Parabéns, São Paulo da garoa, da terra boa e da energia solar!

Geral

10.11.21

Como é o mercado de trabalho no setor de energia?

Mercado Livre

11.08.21

Como alcançar mais previsibilidade na fatura de energia elétrica?

Geral

25.03.21

Energia Eólica no Brasil e no mundo

%d blogueiros gostam disto: